04/08/2022, 18h49, Foto: Divulgação

O ex-vereador do Rio de Janeiro Jerônimo Guimarães Filho, conhecido como Jerominho, morreu nesta quinta-feira (4) após ser baleado na Estrada Guandu do Sapé, em Campo Grande, na Zona Oeste da capital fluminense. A informação foi confirmada pelo advogado da família e pela Polícia Militar. O ex-parlamentar levou tiros na perna e no abdômen. Depois foi levado para o Hospital Oeste D'Or. (leia mais abaixo)


O cunhado dele também foi baleado e está internado no Hospital Rocha Faria, com quadro estável.(leia mais abaixo)


Testemunhas afirmaram que eles foram feridos por dois homens de fuzil, que passaram atirando.(leia mais abaixo)


No fim de janeiro, o ex-vereador foi preso por extorsão a mão armada contra motoristas de vans. O crime foi cometido em 2005. Ele foi solto menos de uma semana depois. Dias antes da prisão, Jerominho anunciou em uma rede social que pretendia se candidatar a deputado federal pelo Patriota.(leia mais abaixo)


Jerominho é apontado como um dos fundadores da milícia Liga da Justiça, que atua na Zona Oeste da capital.

Entre para nosso
Grupo WhatsApp

Fique sempre bem informado sobre as últimas notícias!